Sábado, 21 de Julho de 2012

ÁS SEXTAS, TRABALHO POLÍTICO

POLÍTICOS A SUAR EM BICA, EM VILAMOURA

 

Não sei se tiveram paciência ou oportunidade para dar uma volta, ontem à noitinha, pela marina

 Vilamoura estava no vértice do mundo. Havia uma gigantesca passadeira vermelha, fotógrafos, «flutes» de champanhe, luz deslumbrante, tudo por causa de uma «festa de Verão», promovida pela SIC, com uma inauguração «muito importante»: um bar-discoteca.

Por isso, aquilo estava cheio de «vipes»: eles eram empresários que, à custa do suor de outros, compram audis «topo de gama», ferraris, maseratis, bugattis e outros brinquedos destinados a impressionar a maralha uma ou duas vezes por ano (até vimos passar um lamborghini murcielago); eles (elas) eram umas quantas velhas carcaças a carregarem dezenas de «plásticas» para, acima do pescoço, parecerem ter menos cinquenta anos do que indica o cartão de cidadão; eles eram uma espécie de estrelas de insignificantes telenovelas portuguesas, que de estrelas só têm o fisicozinho, um palminho de cara, ou uma boa «bengala» que lhes abre portas e camas; eles eram as «caras» da televisão portuguesa, comentadores, jornalistas, animadores de manhãs ou de tardes; eles eram os ases da bola que têm nos pés a ginástica e o «dribling» que lhes faltou na caixinha dos miolos quando andavam a aprender as continhas de dividir e o b-a-bá…

Mas eram, também, «vultos» da política. Sim, senhores, viram-se por lá uns quantos autarcas, umas caras do governo (por que será que, sobretudo no verão, os ministros e secretários de estado sempre têm trabalho às sextas-feiras, no Algarve?); quase todos os ex-ministros de todos os ex-governos andavam por lá a cirandar também e, como não podia deixar de ser, havia o corrupio duma chusma de deputados. Claro!

Curiosamente, ontem era divulgada uma estatística sobre o nosso parlamento: é às sextas-feiras que os deputados mais faltam aos plenários da Assembleia da República.

Julgam que eles dizem que faltam para, vindo às quintas-feiras, não demorarem muito nas bichas da ponte, no trajecto para o Algarve ou para outro sítio aprazível? Não, senhores, os senhores deputados, todos modelos de probidade e de uma ética a toda a prova, justificam as faltas nas vésperas do fim-de-semana, por motivo de “trabalho político”.

Esqueçam-se, meus amigos que os senhores deputados gozam de um dia específico para dedicar à política nos seus respectivos seus círculos eleitorais: a segunda-feira. Eles esqueceram-se há muito e o controlo do parlamento também.

Revela o jornal «i» que também às sextas feiras aumentam as faltas com a justificação de ausência «por doença». Isto quando apresentam justificação; pois desde 2009, deixou de ser necessário que os deputados entreguem qualquer prova para justificar as faltas, já que a palavra dos deputados “faz fé” e não carece de “comprovativos adicionais”.

Gente séria, sim senhores!

Voltemos à notícia do «i». O jornal deu-se ao trabalho de fazer a estatística respeitante aos 134 dias de sessões plenárias do ano parlamentar: às quartas-feiras, a média foi de 243 faltas, às quintas 270; e à sexta-feira, nada mais nada menos que 402 deputados, em média, não se deram ao incómodo de comparecer no seu local de trabalho, para o qual são pagos (principescamente) por todos nós, mesmo por todos os que estão a ser espoliados dos subsídios de férias (os senhores deputados, como não são funcionários públicos… dão-se ao luxo de receberem os 14 salários por ano, coitados).

Qual seria o “trabalho político” que os senhores deputados da nação estavam a fazer ontem, sexta-feira, na marina de Vilamoura?

E.G

  

 Este blog não está interessado em aderir ao novo Acordo Ortográfico da Língua Brasileira. Por isso, escreve no que entende ser Português escorreito

 

Publicado por democracia-do-sul às 23:09
Link deste post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

*Mais sobre este blog

*EDITORIAL

Este blog será… aquilo que e os editores que me acompanham quisermos que seja. Não nos declaramos apartidários nem enfeudados. Também não nos rotulamos nem laicos nem místicos. Seremos, tanto quanto possível, observadores atentos e críticos; ácidos e ásperos, quando necessário. As nossas escolhas, a moral e a ética expressas serão aquelas que a nossa consciência, vontade e princípios o ditarem. “Democracia do Sul” será local de debate se os leitores assim desejarem, desde que usem regras de correcção e de respeito. Pomo-nos ao serviço da Região Algarvia, centrando- -nos principalmente no Concelho Louletano. Nosso farol será a Democracia; nossa “dama”, a República. ooooooooooooooooooooooooo - escreva-nos - escreva-nos democracia-do-sul@sapo.pt - escreva-nos ooooooooooooooooooooooooo

*Desde 27 de Fev. de 2012, já aqui andaram a navegar,

Website Hitwebcounter
leitores interessados, amigos ou simples curiosos

*pesquisar

 

*Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


*Tempo que faz lá fora

Previsões e | mapas satélite
FASES DA LUA

*Tags

* todas as tags

*Os posts mais recentes

* RESGATE SIM, RESGATE NÃO,...

* QUE ESPERAVAM?

* ACREDITE:

* FAZ O QUE ELE DIZ !

* TAL COELHO, TAL SEGURO...

* VERDADEIRO EMBUSTE, ESTE ...

* ELEGIA DA INFRUTUOSIDADE ...

* DE QUE SERVE SER BOM ALUN...

* SOMOS UNS BANANAS!...

* A ESPERANÇA VIRÁ DE BARCE...

* ASSALTO AO «POTE» PELOS «...

* EMU - A MÁQUINA INFERNAL

* NÃO MATEM A ESPERANÇA!

* E ELE RI-SE, CARAMBA!

* APERTEM! APERTEM!...

*Os comentários recentes

Não estive lá mas contarão-me que a Jamila madeira...
Não, meu caro...O que defendemos é que deveríamos ...
Olá! Quer dizer que vocês apoiam que Portugal saia...
Realmente... sem palavras...
Miguel Relvas, na sua chico-espertice tradicional,...
Se os passos e relvas soubessem ingles ficava tudo...
Não pode ser. Este governo tem de cair e deve cair...
Porque voces não escreverão nada quando foi a mani...
Sabendo-se que o genro de Cavaco Silva comprou o P...

*Os posts mais comentados

*Links importantes

*Arquivos da «Democracia»

* Novembro 2013

* Novembro 2012

* Outubro 2012

* Setembro 2012

* Agosto 2012

* Julho 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

Obrigado por ter visitado a «Democracia do Sul»
Pode ainda ler estes blogs interessantes